VIRAL | Unboxing


Hoje seremos virus que terão como objectivo controlar vários órgãos do corpo humano. Mas a tarefa não será facilitada, pois os vírus adversários tentarão fazer o mesmo e, ainda, eliminar-nos de jogo. Um fantástico jogo com belíssimas criatividades da MESAboardgames que é já um dos sucessos de 2017, tanto em Portugal como além-fronteiras.

Tudo começa com uma óptima aposta no conceito, que se tornou realmente viral pela novidade. Mas o conceito não se dilui aqui, porque a integração com as mecânicas tornam-no num óptimo jogo de controlo de área onde temos de pensar estrategicamente para a obtenção dos melhores resultados. Tudo decorre em seis fases, estando a primeira associada à combinação de cartas de mutação e cartas de zona, a segunda associada à pontuação das área e pesquisa, a terceira à execução das cartas de evento, a quarta à resolução das crises, a quinta à pesquisa da cura e, finalmente, a sexta à identificação da força e ordem de desempate.

Este é talvez dos jogos Portugueses que mais curiosidade tem gerado em todo o mundo, desde sempre, e em muito se deve ao facto de ter sido considerado um Dice Tower's Essential pelo conhecido Tom Vasel. A parceria com a americana Arcane Wonders deu-lhe um valente empurrão, mas a verdade é que brilha por sim e por toda a experiência de jogo que proporciona, não nos admirando se conseguir alguns prémios de referência no próximo ano. Garantidamente que vão jogar uma partida e logo a seguir repetir a experiência.


Componentes
. 1 Tabuleiro
. Ficha 1º jogador
. 1 Marcador de Fase
. 8 Fichas de Zona
. 4 Fichas de Crise
. 15 Marcadores (3 de cada cor)
. 40 Fichas de Virus (8 de cada cor)
. 5 Tabuleiros de jogador
. 30 Cartas zona (6 de cada virus)
. 25 Cartas Mutação Inicial
. 22 Cartas Mutação
. 13 Cartas Evento
. Manual Regras




Avaliação
Uma das características que imediatamente se destaca é o artwork, que nos remete para séries dos anos 90 ou para o conhecido Monstros e Companhia da Pixar. Todos os componentes são de óptima qualidade, têm um óptimo acabamento e brilham por si junto de cada jogador e depois no tabuleiro. A embalagem tem óptimos suportes interiores que dão resistência à caixa e permite guardar os vários componentes (e são muitos). A relação qualidade/preço, para todo o material que traz, é realmente muito boa, não chegando sequer aos 30€. Uma óptima escolha e de uma editora Portuguesa que se destaca cada vez mais no mercado internacional dos jogos de tabuleiro.

Artwork: 5
Embalagem: 5
Componentes: 5
Qualidade/Preço: 5

Média: 5 / 5 Pontos.

Comentários

As Mais Lidas